Parallels Desktop

Prós e contras do Boot Camp®, máquina virtual baseada no Boot Camp e máquina virtual do Parallels Desktop

Execute o Windows ao inicializar o Mac pelo Boot Camp
Desempenho Melhor**
Execute aplicativos do Windows em seu Mac sem reinicializar
Uso do espaço em disco* Alto
Recursos convenientes da máquina virtual: Suspender e reiniciar, instantâneos
Backup fácil
Fácil movimentação para o novo Mac

O Parallels Desktop executa o Windows na partição do Boot Camp
Desempenho OK
Execute aplicativos do Windows em seu Mac sem reinicializar
Uso do espaço em disco* Alto
Recursos convenientes da máquina virtual: Suspender e reiniciar, instantâneos ***
Backup fácil
Fácil movimentação para o novo Mac

O Parallels Desktop executa o Windows em uma máquina virtual
Desempenho OK
Execute aplicativos do Windows em seu Mac sem reinicializar
Uso do espaço em disco* Baixo
Recursos convenientes da máquina virtual: Suspender e reiniciar, instantâneos
Backup fácil
Fácil movimentação para o novo Mac

*Veja as informações sobre o espaço em disco abaixo.
**Embora o Boot Camp ofereça benefícios de desempenho para aplicativos com uso intensivo de gráficos high-end, a maioria das cargas de trabalho do Office não se beneficia do uso do Boot Camp.
***Você pode suspender e reiniciar o Windows em uma partição do Boot Camp no Parallels Desktop, mas não deve suspender ao reiniciar o Mac no Boot Camp. Caso contrário, os dados serão perdidos.

Quantidade de espaço livre em disco no Boot Camp não disponível para aplicativos Mac:

armazenamento do bootcamp
bootcamp não está em uso

Como importar o Windows do Boot Camp para uma máquina virtual do Parallels e remover o Boot Camp para liberar espaço em disco para aplicativos Mac:

Pré-requisitos:

  • Espaço suficiente em disco no disco do Mac para importar o Windows da partição do Boot Camp.
  • Se não houver espaço suficiente, uma unidade de disco externa poderá ser usada.
  • Quantidade de espaço em disco necessária = espaço em disco ocupado no Boot Camp.
  • O Windows e os aplicativos do Windows podem exigir reativação, pois o hardware virtual do Parallels Desktop é diferente do que está disponível no Boot Camp.
  • Pode ser necessário entrar em contato com o suporte para esses aplicativos.
  • Verifique novamente se os aplicativos necessários do Windows funcionam no Parallels Desktop.

    Etapa 1: Criar uma máquina virtual com base no Boot Camp no Parallels Desktop.

    Você pode pular esta etapa se você já usa o Boot Camp no Parallels Desktop. Caso contrário, inicie o Parallels Desktop e prossiga com "Usar o Windows a partir do Boot Camp".

    Agora você terá um Boot Camp que pode ser executado lado a lado com aplicativos Mac sem precisar reinicializar.

    Verifique se todos os seu aplicativos necessários do Windows funcionam no Parallels Desktop.

    Etapa 2: Importar o Windows pelo Boot Camp.

    Para importar o Boot Camp, use o menu do aplicativo Parallels Desktop ou o menu de contexto no Centro de Controle. Selecione o local para colocar a máquina virtual resultante.

    Se tiver disco suficiente no Mac, você está com sorte. Caso contrário, você pode usar um disco externo. O Boot Camp foi importado para o seu Centro de Controle. Ele não está mais usando a partição do Boot Camp.

    Etapa 3: Remova a partição do Boot Camp.

    Inicie o aplicativo do Assistente do Boot Camp (disponível em /Aplicativos/Utilitários. Você também pode iniciá-lo a partir do Finder, Launchpad ou Spotlight). Clique em "Continuar"

    Será perguntado se você deseja restaurar o disco. Não é mais possível voltar no processo deste ponto em diante.

    Quando estiver pronto, você receberá o espaço de partição do Boot Camp de volta aos aplicativos do Mac.

    Remova o "Meu Boot Camp", já que não é mais necessário. Verifique se você não está removendo o Meu Boot Camp importado.

    É só isso!

    Tente Suspender/reiniciar, renomeie "Meu Boot Camp importado" para um nome de sua preferência e faça o backup de um arquivo da máquina virtual.